• Nova Amargosa FM

Apenas 1,6% do desmatamento na Amazônia ocorreu em territórios indígenas, diz estudo


Mais de 69 milhões de hectares de vegetação nativa da floresta Amazônica foram devastadas no Brasil ao longo dos últimos 30 anos, segundo uma pesquisa inédita divulgada pelo MapBiomas nesta terça-feira (19).

Apesar de um ser um valor expressivo, segundo ambientalistas responsáveis pelo estudo, o número poderia ser muito maior, caso não fosse a intervenção de povos indígenas na proteção da flora brasileira.

Dentre as áreas desmatadas na Amazônia, segundo o levantamento, apenas 1,6% está em territórios indígenas. Em números absolutos, foram 1,1 milhão de hectares desmatados nessas áreas nos últimos 30 anos.

O resultado está atrelado à utilização sustentável dos recursos naturais pelos indígenas, explicaram os especialistas. De acordo com o documento, esse grupo não busca lucro com os bens naturais da floresta, o que diminui o impacto ambiental.

Por outro lado, nas áreas privadas, a perda de vegetação nativa representou 68,4% de toda a devastação ambiental na região — 47,2 milhões de hectares no período analisado. O desflorestamento destes locais, segundo o estudo, está ligado à comercialização de madeiras e à criação de pastos. O restante do desmatamento foi registrado em áreas públicas da floresta ou em extensões internacionais.

Para o coordenador do estudo “O papel das terras indígenas na proteção das florestas”, Tasso Azevedo, os indígenas têm papel de retardar a ‘inflexão’ da floresta amazônica, momento em que o bioma não conseguirá mais se recuperar. O ambientalista aponta ainda que políticas públicas precisam ser tomadas com urgência.

“Os dados de satélite não deixam dúvidas que são os indígenas que estão retardando a destruição da floresta amazônica. Sem seus territórios, a floresta certamente estaria muito mais perto de seu ponto de inflexão a partir do qual ela deixa de prestar os serviços ambientais dos quais nossa agricultura, nossas indústrias e cidades dependem”, explica Tasso Azevedo, Coordenador do MapBiomas.

Atualmente, as terras indígenas ocupam aproximadamente 14% do território brasileiro e contêm 109,7 milhões de hectares de vegetação nativa. De acordo com o estudo, o valor corresponde a quase 20% de toda vegetação nativa brasileira.

72 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo