• Nova Amargosa FM

Dal pede manutenção do funcionamento da Escola Rural Taylor Egídio em Jaguaquara


O deputado Dal protocolou junto à Secretaria de Educação do Estado da Bahia ofício em que pede ao secretário Jerônimo Rodrigues, um olhar especial para a Escola Rural Taylor Egídio – ERTE, que corre o risco de fechar as portas e deixar seus alunos desamparados.


Criada em 2001, a escola teve o seu COMODATO encerrado esse ano (2021) e, segundo o NTE 09 de Amargosa, responsável pela instituição de ensino, o mesmo não será renovado. A escola conta com 226 alunos residentes que cursam o Fundamental II e o Ensino Médio Técnico em Agroecologia, sendo inclusive, a única instituição escolar a oferecer o curso na região.

No documento, o parlamentar destacou que existe uma manifestação popular contrária ao fechamento da escola e fez um apelo ao secretário, “ peço a sua sensibilidade e a sua colaboração para que a comunidade jaguaquarense, sobretudo os alunos, não sejam prejudicados”.


A estrutura organizacional e o funcionamento diferem das propostas das escolas regulares. Por se tratar de uma Pedagogia da Alternância, os estudantes alternam 30 dias na escola e 30 dias em suas casas na zona rural. Quando estão em suas residências realizam, diariamente, atividades didáticas e agrícolas e são acompanhados pelos professores itinerantes da ERTE.


Portanto, Dal afirma que é importante fortalecer e ampliar os atendimentos no centro educacional, não o contrário. “Devemos abrir mais escolas, não fechar. No caso da Escola Rural Taylor Egídio, além de orientar os estudantes sobre o cultivo e cuidados com a terra, o que fortalece a agricultura familiar na região, ela fortalece a parceria entre a escola e as famílias”, enfatizou o deputado.

46 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo