• Nova Amargosa FM

Imunização anti-Covid avança, mas vacinação contra doenças como sarampo e poliomielite caem na Bahia


Enquanto a imunização para conter a Covid-19 avança na Bahia, onde 94,1% das pessoas já foram inoculadas com ao menos uma dose, a procura por outras vacinas previstas no Programa Nacional de Imunizações (PNI) enfrenta um cenário de queda acentuada.


Segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) relativos aos últimos três anos, dentre as campanhas que tiveram baixa adesão no período estão as estratégias contra doenças que antes estavam sob controle.

É o caso da vacina contra a poliomielite, que, conforme números preliminares, atingiu apenas 42,8% do público-alvo, ante 65,2% em 2020. Para efeito de comparação, em 2019, a campanha conseguiu contemplar 73,1% da população elegível.

Também com uma demanda aquém do patamar esperado em 2021, a vacina tríplice viral —que protege contra sarampo, caxumba e rubéola— chegou aos braços de apenas de 46,1% das crianças que deveriam tomar a sua primeira dose já a partir dos 12 meses. O índice é expressivamente inferior à cobertura do ano passado, quando 74,4% da meta foi alcançada. Metro 01

18 visualizações0 comentário